Emílio Martins

Emílio Pires Martins 

Tirou o curso de História na Faculdade de Letras do Porto.  

Lecionou em várias escolas do país, nomeadamente na região norte e desde o ano letivo de 2006/2007 que se encontra a lecionar a disciplina de Língua/Cultura Mirandesa no Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro (EB Sendim).

 

Trabalho desenvolvido na área do Mirandês

Esta fonte cristalina chamada cultura Mirandesa, na qual mergulha incessantemente à procura de inspiração e realização pessoal deu-lhe, desde a infância, asas à imaginação, traduzindo-se essa busca num vasto e imenso trabalho em prol de causa tão nobre. No entanto destacam-se as seguintes atividades:

- Criou, em 1992, o jornal local “O Bardino” contendo a 1º banda desenhada em Mirandês.

- Representação de uma Peça teatral, da sua autoria, totalmente falada em Mirandês intitulada “Culantro, l bien Feitor”, em Agosto de 1994.

- Publicou em 1999 um livro de poesia, escrito em Língua Mirandesa, acerca das tradições, costumes e vivências da Vila de Sendim, com o título “ La proua de ser Sendinés”.

- Criou o 1º Grupo-Rock Mirandês com músicas inéditas interpretadas em Língua Mirandesa “Ls Pica Tumilho”, com atuações em todo o País e dois trabalhos discográficos editados.

- Participou, a convite do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa, nas reuniões para discussão da Adenda à Convenção Ortográfica, realizadas em Lisboa em 26 e 27 de Fevereiro de 2001.

- Participou na reunião, a convite do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa, presidida pelos representantes máximos do BUREAU EUROPEU DE LÍNGUAS MINORITÁRIAS realizada em Outubro de 2001 no Governo Civil de Bragança.

- Publicou em 2002 um livro de contos, lendas e passagens reais das Gentes de Sendim, grande parte escrito em Língua Mirandesa “ Memórias de Pardo e Linho”.

- Publicou em 2003 um livro, escrito em Língua Mirandesa, com o título “ La proua de ser Sendinés II”. 

- Publicou em 2010 um livro de carácter didático, quase na totalidade escrito em Língua Mirandesa, com o título “Este é o palco!”. 

- Criou a rubrica “Mirandês For kids”. Rubrica do YouTube que consiste em pequenos videos didáticos para aprendizagem da língua mirandesa.

- Criou a rubrica “Por ende a fazer poesie”. Rubrica que consiste em pequenas filmagens em direto com declamações de poemas inéditos em língua mirandesa.

 

APRESENTAÇÃO